calendario

Antecipar os recebíveis é uma operação de crédito muito utilizada nos negócios para a obtenção de crédito. Essa prática é uma escolha para os estabelecimentos que precisam de capital de giro, geralmente aqueles que vendem produtos ou serviços com prazos maiores do que pagam seus fornecedores e/ou funcionários.

Nada mais é como o próprio nome diz: você antecipa e recebe o dinheiro agora, ao invés de futuramente. É uma maneira simples e pouco burocrática para o recebimento mais rápido de um valor que já é seu!

Dessa forma, o estabelecimento pode adiantar as transações que foram realizadas com cartão de crédito, já que, normalmente ele rceberia ele valor só após 30 dias – no caso da compra à vista ou, ainda, levando mais dias em compras feitas de forma parcelada.

Essa antecipação é oferecida por diversas instituições financeiras e, muitas vezes, seus clientes têm algumas dúvidas sobre essa prática, como por exemplo: qual a diferença entre a antecipação de recebíveis e de um empréstimo? É fácil!

A taxa que incide sobre a antecipação é menor! É de um valor encontrado por meio de uma fórmula de juros simples, variando de acordo com os dias em que as parcelas são adiantadas. Já em um empréstimo, no cálculo da taxa estão todos os encargos referentes ás transações de crédito, como juros e o IOF (Imposto sobre Operação Financeira). Assim, fica claro que antecipar os recebíveis é, de longe, a forma ideal e, como vimos, mais vantajosa para otimizar o seu fluxo de caixa!

Calculando a taxa de antecipação

A taxa é calculada a partir do valor líquido do transação (depois que o MDR* já foi descontado), proporcionalmente ao período de tempo em que se está antecipando o volume desejado – se o varejista deseja antecipar seu volume de vendas em três meses, por exemplo, a taxa de antecipação será multiplicada por 3.

Mesmo com essa facilidade disponível para o seu negócio, lembre-se sempre de estar preparado para administrar e controlar muito bem os recebíveis, pois é peciso supervisionar a taxa do cartão, considerando o número de parcelas, somado ao desconto da antecipação.

 

 

*MDR é a taxa que o adquirente cobra pelo uso da máquina de cartão.

FONTE: Blog Pagar.me