Chegar ao sim não depende somente do cliente

Fechar um negócio não depende somente do cliente.

É importante buscar soluções que atendam os dois lados do processo de venda.

 

Fechar um negócio não depende somente do cliente. Muitas pessoas se perguntam: “como chegar ao sim, quando o outro lado não quer?” Para o antropólogo americano e especialista em conflitos William Ury, o problema não está somente voltado ao cliente, mas, em nós mesmos na hora de fechar um negócio.

Mas o que fazer então? Um passo fundamental na negociação é a capacidade de se distanciar e ir ao “camarote com vistas para o palco”. De forma metafórica, Ury relaciona esses ambientes como a perspectiva e a clareza, ou seja, ir para um lugar calmo, onde podemos olhar para o foco principal.

Acreditamos que durante uma negociação, a habilidade principal é falar, mas ouvir é mais importante. Portanto, buscar soluções que atendam os dois lados é fundamental. Vale lembrar que aqueles que se utilizam dos meios tecnológicos e à distância para vender algum bem, devem investir no marketing de relacionamento, ou seja, construir etapas que tragam valor agregado e ajudem o cliente tomar a decisão exata de compra, baseada sempre na confiança de um com o outro.

Para facilitar e assegurar o processo de compra, o PagConsórcio colabora com o processo de negociação e gestão dos contratos, diminuindo o cancelamento das cotas. Assim, é possível aumentar a conversão de vendas em até 50% recebendo por esta solução. O pagamento pode ser realizado pelo site, sistema e-commerce, pelo celular, tablet ou ainda, por meio de envio SMS, e-mail ou QR Code. Saiba como funciona e alcance ótimos retornos financeiros para o seu negócio!

Fonte: GNT